summaryrefslogtreecommitdiffstats
path: root/tde-i18n-pt_BR/docs/tdesdk
diff options
context:
space:
mode:
authorTimothy Pearson <kb9vqf@pearsoncomputing.net>2012-01-30 12:15:46 -0600
committerTimothy Pearson <kb9vqf@pearsoncomputing.net>2012-01-30 12:15:46 -0600
commit6834a48581c825ea843ab003f6098ea326ced672 (patch)
treec5ec081bbf50af8071f595de96107effcd855447 /tde-i18n-pt_BR/docs/tdesdk
parente813dcc3ea437741348b6e40ab6fec62ac31ba45 (diff)
downloadtde-i18n-6834a48581c825ea843ab003f6098ea326ced672.tar.gz
tde-i18n-6834a48581c825ea843ab003f6098ea326ced672.zip
Rename ksocket and kcache
Diffstat (limited to 'tde-i18n-pt_BR/docs/tdesdk')
-rw-r--r--tde-i18n-pt_BR/docs/tdesdk/Makefile.in2
-rw-r--r--tde-i18n-pt_BR/docs/tdesdk/kcachegrind/Makefile.in42
-rw-r--r--tde-i18n-pt_BR/docs/tdesdk/kcachegrind/index.docbook56
3 files changed, 50 insertions, 50 deletions
diff --git a/tde-i18n-pt_BR/docs/tdesdk/Makefile.in b/tde-i18n-pt_BR/docs/tdesdk/Makefile.in
index 500bed0bdf..48a069cf13 100644
--- a/tde-i18n-pt_BR/docs/tdesdk/Makefile.in
+++ b/tde-i18n-pt_BR/docs/tdesdk/Makefile.in
@@ -187,7 +187,7 @@ xdg_menudir = @xdg_menudir@
KDE_LANG = pt_BR
#>- SUBDIRS = $(AUTODIRS)
#>+ 1
-SUBDIRS =. umbrello kbabel scripts kompare kbugbuster cervisia kapptemplate kcachegrind
+SUBDIRS =. umbrello kbabel scripts kompare kbugbuster cervisia kapptemplate tdecachegrind
KDE_DOCS = AUTO
KDE_MANS = AUTO
#>- all: all-recursive
diff --git a/tde-i18n-pt_BR/docs/tdesdk/kcachegrind/Makefile.in b/tde-i18n-pt_BR/docs/tdesdk/kcachegrind/Makefile.in
index 0c28676303..7927d5ddb9 100644
--- a/tde-i18n-pt_BR/docs/tdesdk/kcachegrind/Makefile.in
+++ b/tde-i18n-pt_BR/docs/tdesdk/kcachegrind/Makefile.in
@@ -30,7 +30,7 @@ POST_INSTALL = :
NORMAL_UNINSTALL = :
PRE_UNINSTALL = :
POST_UNINSTALL = :
-subdir = docs/tdesdk/kcachegrind
+subdir = docs/tdesdk/tdecachegrind
DIST_COMMON = $(srcdir)/Makefile.am $(srcdir)/Makefile.in
ACLOCAL_M4 = $(top_srcdir)/aclocal.m4
am__aclocal_m4_deps = $(top_srcdir)/acinclude.m4 \
@@ -204,9 +204,9 @@ $(srcdir)/Makefile.in: $(srcdir)/Makefile.am $(am__configure_deps)
#>- exit 1;; \
#>- esac; \
#>- done; \
-#>- echo ' cd $(top_srcdir) && $(AUTOMAKE) --gnu docs/tdesdk/kcachegrind/Makefile'; \
+#>- echo ' cd $(top_srcdir) && $(AUTOMAKE) --gnu docs/tdesdk/tdecachegrind/Makefile'; \
#>- cd $(top_srcdir) && \
-#>- $(AUTOMAKE) --gnu docs/tdesdk/kcachegrind/Makefile
+#>- $(AUTOMAKE) --gnu docs/tdesdk/tdecachegrind/Makefile
#>+ 12
@for dep in $?; do \
case '$(am__configure_deps)' in \
@@ -216,10 +216,10 @@ $(srcdir)/Makefile.in: $(srcdir)/Makefile.am $(am__configure_deps)
exit 1;; \
esac; \
done; \
- echo ' cd $(top_srcdir) && $(AUTOMAKE) --gnu docs/tdesdk/kcachegrind/Makefile'; \
+ echo ' cd $(top_srcdir) && $(AUTOMAKE) --gnu docs/tdesdk/tdecachegrind/Makefile'; \
cd $(top_srcdir) && \
- $(AUTOMAKE) --gnu docs/tdesdk/kcachegrind/Makefile
- cd $(top_srcdir) && perl ../scripts/admin/am_edit -p../scripts/admin docs/tdesdk/kcachegrind/Makefile.in
+ $(AUTOMAKE) --gnu docs/tdesdk/tdecachegrind/Makefile
+ cd $(top_srcdir) && perl ../scripts/admin/am_edit -p../scripts/admin docs/tdesdk/tdecachegrind/Makefile.in
.PRECIOUS: Makefile
Makefile: $(srcdir)/Makefile.in $(top_builddir)/config.status
@case '$?' in \
@@ -534,19 +534,19 @@ index.cache.bz2: $(srcdir)/index.docbook $(KDE_XSL_STYLESHEET) index.docbook
docs-am: index.cache.bz2
install-docs: docs-am install-nls
- $(mkinstalldirs) $(DESTDIR)$(kde_htmldir)/$(KDE_LANG)/kcachegrind
+ $(mkinstalldirs) $(DESTDIR)$(kde_htmldir)/$(KDE_LANG)/tdecachegrind
@if test -f index.cache.bz2; then \
- echo $(INSTALL_DATA) index.cache.bz2 $(DESTDIR)$(kde_htmldir)/$(KDE_LANG)/kcachegrind/; \
- $(INSTALL_DATA) index.cache.bz2 $(DESTDIR)$(kde_htmldir)/$(KDE_LANG)/kcachegrind/; \
+ echo $(INSTALL_DATA) index.cache.bz2 $(DESTDIR)$(kde_htmldir)/$(KDE_LANG)/tdecachegrind/; \
+ $(INSTALL_DATA) index.cache.bz2 $(DESTDIR)$(kde_htmldir)/$(KDE_LANG)/tdecachegrind/; \
elif test -f $(srcdir)/index.cache.bz2; then \
- echo $(INSTALL_DATA) $(srcdir)/index.cache.bz2 $(DESTDIR)$(kde_htmldir)/$(KDE_LANG)/kcachegrind/; \
- $(INSTALL_DATA) $(srcdir)/index.cache.bz2 $(DESTDIR)$(kde_htmldir)/$(KDE_LANG)/kcachegrind/; \
+ echo $(INSTALL_DATA) $(srcdir)/index.cache.bz2 $(DESTDIR)$(kde_htmldir)/$(KDE_LANG)/tdecachegrind/; \
+ $(INSTALL_DATA) $(srcdir)/index.cache.bz2 $(DESTDIR)$(kde_htmldir)/$(KDE_LANG)/tdecachegrind/; \
fi
- -rm -f $(DESTDIR)$(kde_htmldir)/$(KDE_LANG)/kcachegrind/common
- $(LN_S) $(kde_libs_htmldir)/$(KDE_LANG)/common $(DESTDIR)$(kde_htmldir)/$(KDE_LANG)/kcachegrind/common
+ -rm -f $(DESTDIR)$(kde_htmldir)/$(KDE_LANG)/tdecachegrind/common
+ $(LN_S) $(kde_libs_htmldir)/$(KDE_LANG)/common $(DESTDIR)$(kde_htmldir)/$(KDE_LANG)/tdecachegrind/common
uninstall-docs:
- -rm -rf $(DESTDIR)$(kde_htmldir)/$(KDE_LANG)/kcachegrind
+ -rm -rf $(DESTDIR)$(kde_htmldir)/$(KDE_LANG)/tdecachegrind
clean-docs:
-rm -f index.cache.bz2
@@ -554,15 +554,15 @@ clean-docs:
#>+ 13
install-nls:
- $(mkinstalldirs) $(DESTDIR)$(kde_htmldir)/$(KDE_LANG)/kcachegrind
+ $(mkinstalldirs) $(DESTDIR)$(kde_htmldir)/$(KDE_LANG)/tdecachegrind
@for base in index.docbook ; do \
- echo $(INSTALL_DATA) $$base $(DESTDIR)$(kde_htmldir)/$(KDE_LANG)/kcachegrind/$$base ;\
- $(INSTALL_DATA) $(srcdir)/$$base $(DESTDIR)$(kde_htmldir)/$(KDE_LANG)/kcachegrind/$$base ;\
+ echo $(INSTALL_DATA) $$base $(DESTDIR)$(kde_htmldir)/$(KDE_LANG)/tdecachegrind/$$base ;\
+ $(INSTALL_DATA) $(srcdir)/$$base $(DESTDIR)$(kde_htmldir)/$(KDE_LANG)/tdecachegrind/$$base ;\
done
uninstall-nls:
for base in index.docbook ; do \
- rm -f $(DESTDIR)$(kde_htmldir)/$(KDE_LANG)/kcachegrind/$$base ;\
+ rm -f $(DESTDIR)$(kde_htmldir)/$(KDE_LANG)/tdecachegrind/$$base ;\
done
@@ -582,10 +582,10 @@ force-reedit:
exit 1;; \
esac; \
done; \
- echo ' cd $(top_srcdir) && $(AUTOMAKE) --gnu docs/tdesdk/kcachegrind/Makefile'; \
+ echo ' cd $(top_srcdir) && $(AUTOMAKE) --gnu docs/tdesdk/tdecachegrind/Makefile'; \
cd $(top_srcdir) && \
- $(AUTOMAKE) --gnu docs/tdesdk/kcachegrind/Makefile
- cd $(top_srcdir) && perl ../scripts/admin/am_edit -p../scripts/admin docs/tdesdk/kcachegrind/Makefile.in
+ $(AUTOMAKE) --gnu docs/tdesdk/tdecachegrind/Makefile
+ cd $(top_srcdir) && perl ../scripts/admin/am_edit -p../scripts/admin docs/tdesdk/tdecachegrind/Makefile.in
#>+ 21
diff --git a/tde-i18n-pt_BR/docs/tdesdk/kcachegrind/index.docbook b/tde-i18n-pt_BR/docs/tdesdk/kcachegrind/index.docbook
index 7a22bd033e..fcb3a7bd5b 100644
--- a/tde-i18n-pt_BR/docs/tdesdk/kcachegrind/index.docbook
+++ b/tde-i18n-pt_BR/docs/tdesdk/kcachegrind/index.docbook
@@ -1,6 +1,6 @@
<?xml version="1.0" ?>
<!DOCTYPE book PUBLIC "-//KDE//DTD DocBook XML V4.2-Based Variant V1.1//EN" "dtd/kdex.dtd" [
- <!ENTITY kcachegrind '<application
+ <!ENTITY tdecachegrind '<application
>KCachegrind</application
>'>
<!ENTITY cachegrind "<application
@@ -18,7 +18,7 @@
<!ENTITY oprofile "<application
>OProfile</application
>">
- <!ENTITY kappname "&kcachegrind;">
+ <!ENTITY kappname "&tdecachegrind;">
<!ENTITY package "tdesdk">
<!ENTITY % addindex "IGNORE">
<!ENTITY % Brazilian-Portuguese "INCLUDE">
@@ -30,7 +30,7 @@
<bookinfo>
<title
->O Manual do &kcachegrind;</title>
+>O Manual do &tdecachegrind;</title>
<authorgroup>
<author
@@ -80,7 +80,7 @@
<abstract>
<para
->O &kcachegrind; é uma ferramenta de visualização de dados de auditoria, escrito usando o ambiente &kde;. </para>
+>O &tdecachegrind; é uma ferramenta de visualização de dados de auditoria, escrito usando o ambiente &kde;. </para>
</abstract>
<keywordset>
@@ -197,24 +197,24 @@
</sect1>
</chapter>
-<chapter id="using-kcachegrind">
+<chapter id="using-tdecachegrind">
<title
->Usando o &kcachegrind;</title>
+>Usando o &tdecachegrind;</title>
<sect1 id="using-profile">
<title
>Gerando Dados para Visualizar</title>
<para
->Primeiro, devemos gerar dados de desempenho medindo os aspectos das características em tempo de execução de um aplicativo, usando uma ferramenta de auditoria. O &kcachegrind; propriamente dito não inclui nenhuma ferramenta de auditoria, mas pode ser melhor aproveitado em conjunto com o &callgrind;, e usando um conversor, pode também ser usado para visualizar dados produzidos com o &oprofile;. Apesar do escopo deste manual não ser o de documentar como auditar com estas ferramentas, a próxima seção fornece um pequeno tutorial para início rápido que você pode tomar como base. </para>
+>Primeiro, devemos gerar dados de desempenho medindo os aspectos das características em tempo de execução de um aplicativo, usando uma ferramenta de auditoria. O &tdecachegrind; propriamente dito não inclui nenhuma ferramenta de auditoria, mas pode ser melhor aproveitado em conjunto com o &callgrind;, e usando um conversor, pode também ser usado para visualizar dados produzidos com o &oprofile;. Apesar do escopo deste manual não ser o de documentar como auditar com estas ferramentas, a próxima seção fornece um pequeno tutorial para início rápido que você pode tomar como base. </para>
<sect2>
<title
>&callgrind;</title>
<para
->O &callgrind; está disponível em <ulink url="http://kcachegrind.sf.net"
-> http://kcachegrind.sf.net</ulink
+>O &callgrind; está disponível em <ulink url="http://tdecachegrind.sf.net"
+> http://tdecachegrind.sf.net</ulink
>. Observe que ele era anteriormente chamado de &calltree;, mas o nome foi abandonado. </para>
<para
@@ -228,7 +228,7 @@
></blockquote
>. Ao término do programa, um arquivo <filename
>callgrind.out.pid</filename
-> será gerado o qual pode ser carregado para o &kcachegrind;. </para>
+> será gerado o qual pode ser carregado para o &tdecachegrind;. </para>
<para
>Um uso mais avançado é gerar dados de auditoria sempre que uma determinada função de seu aplicativo é chamada. Por exemplo, para o <command
@@ -241,7 +241,7 @@
> callgrind --dump-before=KonqMainWindow::slotReload konqueror </command
></para
></blockquote
-> Isto produzirá múltiplos arquivos de dados de auditoria com uma sequência numérica crescente no final dos nomes de arquivo. Um arquivo sem um número no final (terminando somente no PID do processo) também será produzido. Carregando este arquivo no &kcachegrind;, todos os outros serão também carregados, e podem ser vistos na Visão Geral de Partes e Lista de Partes. </para>
+> Isto produzirá múltiplos arquivos de dados de auditoria com uma sequência numérica crescente no final dos nomes de arquivo. Um arquivo sem um número no final (terminando somente no PID do processo) também será produzido. Carregando este arquivo no &tdecachegrind;, todos os outros serão também carregados, e podem ser vistos na Visão Geral de Partes e Lista de Partes. </para>
</sect2>
@@ -263,13 +263,13 @@
>opcontrol -d</command
>. Isto gravará todos os resultados medidos em arquivos sob o diretório <filename
>/var/lib/oprofile/samples/</filename
->. Para ser capaz de visualizar os dados no &kcachegrind;, coloque-os em um diretório vazio: <blockquote
+>. Para ser capaz de visualizar os dados no &tdecachegrind;, coloque-os em um diretório vazio: <blockquote
><para
><command
> opreport -gdf | op2callgrind </command
></para
></blockquote
-> Isto produzirá uma grande quantidade de arquivos, um para cada programa que está em execução no sistema. Cada um deles pode ser carregado no &kcachegrind; conforme desejar. </para>
+> Isto produzirá uma grande quantidade de arquivos, um para cada programa que está em execução no sistema. Cada um deles pode ser carregado no &tdecachegrind; conforme desejar. </para>
</sect2>
</sect1>
@@ -279,7 +279,7 @@
>Fundamentos da Interface com o Usuário</title>
<para
->Ao iniciar o &kcachegrind; com um arquivo de dados de auditoria como argumento, ou após carregar um através do Arquivo/Abrir, você verá uma barra lateral contendo a lista de funções à esquerda, e na parte principal à direita, uma área com visualizações para a função selecionada. Esta área de visualização pode ser configurada arbitrariamente para mostrar múltiplas visualizações de uma vez. </para>
+>Ao iniciar o &tdecachegrind; com um arquivo de dados de auditoria como argumento, ou após carregar um através do Arquivo/Abrir, você verá uma barra lateral contendo a lista de funções à esquerda, e na parte principal à direita, uma área com visualizações para a função selecionada. Esta área de visualização pode ser configurada arbitrariamente para mostrar múltiplas visualizações de uma vez. </para>
<para
>Na primeira inicialização, esta área será dividida em uma parte superior e inferior, cada uma com diferentes visualizações selecionáveis por abas. Para mover as visualizações, use o menu de contexto das abas, e ajuste os divisores entre as visualizações. Para alternar rapidamente entre as diferentes disposições de visualização, use Ver/Disposição/Duplicar, mude a disposição e alterne entre as disposições com Ver/Disposição/Próximo (ou melhor de acordo com os atalhos de teclado). </para>
@@ -290,9 +290,9 @@
> na lista à esquerda, e observa a visualização do gráfico de chamadas. Nele, você vê as chamadas ocorrendo em seu programa. Observe que a visão do gráfico de chamadas somente mostra funções com alta contagem de eventos. Executar um duplo-clique em uma função no gráfico, mudará a representação para mostrar as funções ao redor da selecionada. </para>
<para
->Se desejar explorar mais a GUI, além deste manual, dê uma olhada na seção de documentação do site web <ulink url="http://kcachegrind.sf.net"
->http://kcachegrind.sf.net</ulink
->. Além disso, cada widget no &kcachegrind; possui ajuda do tipo <quote
+>Se desejar explorar mais a GUI, além deste manual, dê uma olhada na seção de documentação do site web <ulink url="http://tdecachegrind.sf.net"
+>http://tdecachegrind.sf.net</ulink
+>. Além disso, cada widget no &tdecachegrind; possui ajuda do tipo <quote
>O Que é Isso</quote
>. </para>
</sect1>
@@ -300,12 +300,12 @@
</chapter>
-<chapter id="kcachegrind-concepts">
+<chapter id="tdecachegrind-concepts">
<title
>Conceitos Básicos</title>
<para
->Este capítulo explana alguns conceitos do &kcachegrind; e introduz termos usados na interface. </para>
+>Este capítulo explana alguns conceitos do &tdecachegrind; e introduz termos usados na interface. </para>
<sect1 id="concepts-model">
<title
@@ -611,9 +611,9 @@
<title
>Referência de Comandos</title>
-<sect1 id="kcachegrind-mainwindow">
+<sect1 id="tdecachegrind-mainwindow">
<title
->A janela principal do &kcachegrind;</title>
+>A janela principal do &tdecachegrind;</title>
<para
></para>
@@ -847,11 +847,11 @@
<qandaentry>
<question>
<para
->Para que serve o &kcachegrind;? Eu não faço a mínima idéia. </para>
+>Para que serve o &tdecachegrind;? Eu não faço a mínima idéia. </para>
</question>
<answer>
<para
->O &kcachegrind; é útil no último estágio de desenvolvimento de software, chamado Auditoria. Se você não desenvolve aplicativos, você não precisa do &kcachegrind;. </para>
+>O &tdecachegrind; é útil no último estágio de desenvolvimento de software, chamado Auditoria. Se você não desenvolve aplicativos, você não precisa do &tdecachegrind;. </para>
</answer>
</qandaentry>
@@ -974,13 +974,13 @@
<title
>Instalação</title>
-<sect1 id="getting-kcachegrind">
+<sect1 id="getting-tdecachegrind">
<title
->Como obter o &kcachegrind;</title>
+>Como obter o &tdecachegrind;</title>
<para
->O &kcachegrind; é parte do pacote &package; do &kde;. Para versões menos suportadas, &callgrind; e documentação adicional, veja a página web em <ulink url="http://kcachegrind.sf.net"
->http://kcachegrind.sf.net</ulink
+>O &tdecachegrind; é parte do pacote &package; do &kde;. Para versões menos suportadas, &callgrind; e documentação adicional, veja a página web em <ulink url="http://tdecachegrind.sf.net"
+>http://tdecachegrind.sf.net</ulink
>. Lá você obterá instruções completas para instalação e compilação. </para>
</sect1>
@@ -989,7 +989,7 @@
>Requisitos</title>
<para
->Para usar com sucesso o &kcachegrind;, você precisa do &kde; 3.x. Para gerar dados de auditoria, o &cachegrind; ou o &calltree;/&callgrind; é recomendável. </para>
+>Para usar com sucesso o &tdecachegrind;, você precisa do &kde; 3.x. Para gerar dados de auditoria, o &cachegrind; ou o &calltree;/&callgrind; é recomendável. </para>
</sect1>
<sect1 id="compilation">