summaryrefslogtreecommitdiffstats
path: root/tde-i18n-pt/docs/tdevelop/tdevelop/unixdev.docbook
diff options
context:
space:
mode:
Diffstat (limited to 'tde-i18n-pt/docs/tdevelop/tdevelop/unixdev.docbook')
-rw-r--r--tde-i18n-pt/docs/tdevelop/tdevelop/unixdev.docbook4
1 files changed, 2 insertions, 2 deletions
diff --git a/tde-i18n-pt/docs/tdevelop/tdevelop/unixdev.docbook b/tde-i18n-pt/docs/tdevelop/tdevelop/unixdev.docbook
index fd58f349b1..a2f525e984 100644
--- a/tde-i18n-pt/docs/tdevelop/tdevelop/unixdev.docbook
+++ b/tde-i18n-pt/docs/tdevelop/tdevelop/unixdev.docbook
@@ -114,11 +114,11 @@
<primary>comunicação</primary>
<secondary>DCOP</secondary></indexterm>
-<para>Outra evolução do 'scripting' semelhante ao &UNIX; é o protocolo <ulink url="http://developer.kde.org/documentation/library/kdeqt/dcop.html"><emphasis>DCOP</emphasis></ulink>, o qual foi destinado à comunicação entre as aplicações do &kde; para ultrapassar as limitações do CORBA. </para>
+<para>Outra evolução do 'scripting' semelhante ao &UNIX; é o protocolo <ulink url="http://developer.kde.org/documentation/library/kdetqt/dcop.html"><emphasis>DCOP</emphasis></ulink>, o qual foi destinado à comunicação entre as aplicações do &kde; para ultrapassar as limitações do CORBA. </para>
<para>O &DCOP; significa <emphasis>Desktop COmmunikation Protocol</emphasis> e está implementado como um mecanismo simples de IPC/RPC para operar sobre 'sockets'. De facto, isto fornece funcionalidades semelhantes às do mecanismo tradicional de 'pipes' do &UNIX;. </para>
<para>O 'scripting' de linha de comandos tradicional é baseado em programas utilitários relativamente pequenos que foram desenhados para funcionarem de uma forma textual muito restrita. O &DCOP; permite aos programas gráficos elaborados comunicarem uns com os outros de uma forma muito semelhante. Isto permite &eg; a um programa do &kde; enviar mensagens a outro programa do &kde; ou receber dados do mesmo para os seus objectivos próprios. </para>
<para>Existem desvantagens, contudo. Para usar o &DCOP; um programa precisa de ser desenhado para conter uma interface &DCOP; especial. Para além disso, o processo de comunicação do &DCOP; corre de forma um pouco lenta. De qualquer forma, ele confere muito do poder e da flexibilidade do 'scripting' em &UNIX; para os programas de alto nível que se baseiam numa interface gráfica para o utilizador. </para>
-<para>Para mais informações, veja o artigo <ulink url="http://developer.kde.org/documentation/library/kdeqt/dcop.html">DCOP: Desktop COmmunications Protocol</ulink> ou a referência da &API; da <ulink url="developer.kde.org/documentation/library/cvs-api/dcop/html/index.html">biblioteca do Desktop Communication Protocol &DCOP;</ulink> para a biblioteca de &DCOP; do &kde;. </para>
+<para>Para mais informações, veja o artigo <ulink url="http://developer.kde.org/documentation/library/kdetqt/dcop.html">DCOP: Desktop COmmunications Protocol</ulink> ou a referência da &API; da <ulink url="developer.kde.org/documentation/library/cvs-api/dcop/html/index.html">biblioteca do Desktop Communication Protocol &DCOP;</ulink> para a biblioteca de &DCOP; do &kde;. </para>
</sect2> <!-- unixdev-dcop -->
</sect1> <!-- unixdev-hl-script -->